Iconografia
Conheça itens do acervo do Centro de Estudos FamilyD. Mapas, esculturas, reproduções: por aqui você conhecerá um pouco da nossa coleção orientalista e saberá como essas peças ajudam a contar parte da história do Líbano, do Oriente Médio, sua cultura ou a forma como eram vistos pelos ocidentais. Confira.
 Localizar     



Árabe a Cavalo
Acervo físico

Importante representação do gênero orientalista, a escultura de Emile Auguste Marie Guillemin traz a representação de um árabe, exibindo orgulhosamente sua caça sobre o dorso de seu belo cavalo. Com dimensões de 77cm x 57cm, a escultura de bronze foi produzida no final do século XIX, lançada pela fundição Barye e até hoje segue como uma das obras mais reproduzidas do mundo.

O autor
Emile Coriolan Hippolyte Guillemin nasceu em Paris em 1841 e morreu em 1907. Era filho do pintor Emile Auguste Marie Guillemin e estudou com ele e Salmson. Guillemin começou a expor no Salão de Paris em 1870 e ganhou um prêmio em 1897.

Seus bronzes estão em muitas coleções, incluindo os museus de Montreal e Toul. Algumas de suas esculturas mais conhecidas são Cavaliers, conquistadores, o jogador do bandolim, uma dançarina árabe, os bustos de Dante Alighieri e de Shakespeare, o alquimista, cavaleiros de armadura e cavaleiros árabes.

No gênero orientalista, destaca-se a qualidade das obras e a expressão que representam o gênero, sempre simbolizando o árabe como o conquistador, o viajante, repleto de misticismo e poder, despertando entre os ocidentais curiosidade e admiração.




voltar

Política de privacidade. ©2014. Criação FamilySites.com.br